Jornalismo é publicar aquilo que alguém não quer que se publique. Todo o resto é publicidade.

segunda-feira, 25 de abril de 2016

Mas afinal, decidam...sou petista ou coxinha?




O que assistimos ontem e nos últimos dias no cenário político brasileiro assusta qualquer pai de família que pensa em um futuro melhor para seus filhos e netos. O aprofundamento da polarização política no Brasil é um risco para a democracia.

Esse modelo do bem [que os petistas juram representar] contra o mal [os que pensam diferente], a polarização da campanha, o ‘nós’ contra ‘eles’ que cientistas políticos afirmavam ser rasa, saiu da esfera partidária e passa a fazer parte do nosso dia a dia. No supermercado, nos restaurantes, nas escolas, faculdades, parece que perdemos definitivamente o rumo da história ao abandonarmos a capacidade de dialogar e saímos para agressão moral ou física.

O Brasil parece caminhar sem perspectiva.

Esse é o grande risco, nem governo e nem oposição apontam caminhos, defendem um pacto que deve estar acima das siglas partidárias já que essas se afundam junto com o maior processo de corrupção já visto.

Onde já se viu um chefe de estado usar as redes sociais para defender uma cuspida? Tudo em nome do poder pelo poder. Isso é um retrocesso.

Hilário, não? Mas afinal, decidam...sou petista ou coxinha?


Gestos como esses seguem contaminando a sociedade nas relações até então cordiais. Daqui a pouco vão existir banheiros para ‘golpistas’ e petistas. É só o que se fala pelas redes sociais. Se não nos policiarmos, a coisa pode sair totalmente dos eixos, e aí...seja o que Deus ou (do jeito que a coisa anda) o que o diabo quiser... 

Nenhum comentário: